Ex-Grande Mestre Estadual do Piauí recebe Título de Cidadão de Água Branca

O ex-Grande Mestre Estadual do Grande Capítulo do Estado do Piauí, (GCE-PI), gestão 2018 e atual presidente da Comissão Nacional de Relações Institucionais, do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil, (SCODB), Tio Salomão Oka, 38, (na foto a direita com o presidente da Câmara dos Vereadores, Tio Ivon Lendl Beserra Sales) foi homenageado no sábado, feriado de sete de setembro, com o título de Cidadão Aguabranquense, do município de Água Branca, distante 110 km de Teresina. A homenagem foi realizada pela Câmara Municipal.

O evento foi realizado no salão da sede do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Água Branca e quem promoveu a homenagem foi o Presidente do Conselho Consultivo do Capítulo José Francisco de Sales nº 774, Tio Valmir Sales por meio do vereador, Tio Francisco Emanuel de Paiva Souza, por ocasião aos 40 anos de fundação da A.R.L.S. Estrela Aguabranquense nº 2071.

Cerca de 300 pessoas estiveram presentes entre autoridades maçônicas, paramaçônicas e também da sociedade local e cidades vizinhas, incluindo o Grão Mestre Estadual do Grande Oriente do Brasil – Piauí – Eminente Tio Noé Rodrigues de Holanda, do presidente da Câmara dos Vereadores de Água Branca, Tio Ivon Lendl Beserra Sales

“Aprendi a amar a cidade de Água Branca, seu povo trabalhador honrado e hospitaleiro. Durante os 40 anos de fundação da A.R.L.S. Estrela Aguabranquense nº 2071 do GOB/PI, fui agraciado com um diploma de Amizade e Agradecimento e também com o honroso título de Cidadão Aguabranquense pela Câmara dos Vereadores. Agradeço a todos, com o coração bem emocionado, primeiramente a Deus e a todos vocês”, menciona.

Natural de Floriano, também no Piauí, distante 247 km de Teresina, atualmente também passa boa parte do tempo na capital. É Cirurgião Bucomaxilofacial na vida profana; tem uma admiração grande pela Ordem DeMolay onde conta que esta Instituição Juvenil lhe ensinou que “ninguém é tão pequeno que não possa ensinar e nem tão grande que não possa aprender”.

Foto cedida para divulgação

Você também pode se interessar por