Capítulo Maringá, no PR, completa 33 anos de trabalhos ininterruptos para a Ordem DeMolay

O Capítulo Maringá n° 89, em Maringá, distante 430 km de Curitiba, completou no mês passado, 33 anos de trabalhos ininterruptos para a Ordem DeMolay. Fundado em em 31/03/1988 e instalado em 01/10/1988, já foram inciados neste Capítulo cerca de 380 jovens.

Antes da pandemia do novo coronavírus chegar, o Capítulo Maringá nº89, em sua linda história já sediou o primeiro Fórum de Lideranças, no estado com a participação de reuniões com as lideranças do estado para futuras ações no Paraná. Promoveu também o Primeiro CEOD I – 1991 (Congresso Estadual da Ordem DeMolay) com 8 Capítulos no estado. Em 2004, participou do X CEOD.

Em 2006 Sediou o Congresso Nacional Ordem DeMolay um dos maiores congressos na época com mais de 900 participantes nacional e nternacional.

Em 2009 -Promoveu o I Conamesco Maringá, (curso preparatório estadual obrigatório para os Mestre Conselheiros e Maçons do Conselho Consultivo), tendo a presença, na época de 12 capítulos.

No ano de 2012 – XII CEOD, com a participação de 16 cidades. criou o primeiro torneio ritualístico do estado do Paraná. E em 2019 – Congresso Estadual da Ordem DeMolay – contando com mais de 100 participantes.

O Capítulo Maringá nº 89 foi instalado pelos Capítulos de Campo Moura e de Astorga. Ajudou na fundação dos Capítulos de Marialva e Mandaguaçu, Maktube entre outros no estado.

O Capítulo, além de realizar diversas ações filantrópicas promovendo sempre o bem para a sociedade local, tem vários prêmios, valendo destacar 2007 no CEOD de Guarapari-ES (campeão da primeira edição do Desafio DeMolay. Nacional). Certificado de Referência Nacional, série Prata e em 2011 a série Ouro como o melhor Capítulo Nacional, na gestão de 2010.

Na esfera administrativa estadual, o Capítulo Maringá nº 89 vem apoiando irrestritamente o Grande Conselho do Estado do Paraná, (GCEPR), onde já fez os seguintes Mestres Conselheiros Estaduais: Jean Marques, Guilherme Candidato e Matheus Pires, entre outros cargos. Ao logo desses 33 anos de trabalhos ininterruptos para essa instituição juvenil, cerca de 30 membros já ingressaram na maçonaria.

Foto cedida para divulgação

Você também pode se interessar por