História de Gregorio Agliplay: Padre e Maçom filipino

Gregorio Agliplay (1860 – 1940), foi ex-padre católico que se tornou o primeiro chefe da Igreja Independente das Filipinas, uma igreja católica; nacional, independente que se separou da Igreja Católica Romana em 1902, pelos membros da “Union Obrera Democratica Filipina”, devido aos maus tratos dos padres filipinos, espanhóis e pela execução de José Rizal (mártir da independência filipina) durante o domínio colonial espanhol.

Nascido na cidade de Batac, Ilocos Norte, Aglipay era um órfão que cresceu nos campos de tabaco nas últimas décadas voláteis da ocupação espanhola das Filipinas.

Rizal também foi maçom iniciado em 1883. Agliplay foi iniciado na Maçonaria em 3 de 1918, na Loja Maçônica Magdalo, em Cavite, Filipinas. Esta Loja Maçônica passou a se chamar, posteriormente de Aguinaldo Memorial nº 3.

Cavite é uma província das Filipinas localizada ao sul da baía de Manila. Situa-se na região de Calabarzon em Luzon, 30 kms ao sul de Manila. A capital é Trece Mártires. Ao redor de Cavite estão as províncias de Laguna, a oeste, e Batangas, ao sul. A oeste de Cavite encontra-se também o mar da China. Cavite tem uma população aproximada de 2.063.161 habitantes.

A primeira Loja Maçônica nas Filipinas foi criada em 1856 por José Malcampo Monje, um capitão naval que se tornou o Governador Geral deste país a partir de 18 junho de 1874 a 28 de fevereiro de 1877. Ele foi colocado sob a jurisdição de “Gran Oriente Luisitano” e admitidos apenas espanhóis. Outros alojamentos para residentes estrangeiros surgiram logo em seguida.

Texto e foto: Instagram – curiosidades da maçonaria e internet



Você também pode se interessar por