Personalidades DeMolay: Conheça o Irmão Neudon Jr, Primeiro DeMolay a chegar ao Grau 33 na Maçonaria brasileira, assim como o Primeiro DeMolay a ser Venerável Mestre em território nacional

O quadro do Personalidades DeMolay deste domingo, 21 de junho, é com o Irmão Neudon Albuquerque Cerqueira Júnior, carioca 57 anos, iniciado no Capítulo Rio de janeiro nº 001, Mater da América Latina, patrocinado pelo Supremo Conselho do Grau 33 do Rito Escocês Antigo e Aceito da Maçonaria para a República Federativa do Brasil, onde foi iniciado e elevado ao Grau DeMolay em 16 de agosto de 1980, data da fundação desta Instituição Juvenil no Brasil.

Formado em odontologia em 1985, é cirurgião dentista com especialidade em endodontia pós-graduado em harmonização orofacial com atuação em botox e preenchimento estético.

Neudon Júnior, (Dico), como é carinhosamente conhecido por seus amigos e Irmãos DeMolays e Maçons, acredita que a Ordem DeMolay é uma escola que forja grandes homens para a sociedade onde as virtudes ensinadas por essa Instituição Juvenil são bastante atuais para uma verdadeira honra geradora.

Foi iniciado na Maçonaria em 7 de setembro de 1985, na A. R. L.S. Liberdade 47 nº 59. Neudon Júnior foi o primeiro primeiro DeMolay no Brasil a ser Grau 33 na Maçonaria, assim como é o Primeiro Venerável Mestre de origem DeMolay de uma Loja Maçônica Simbólica no país.

“A Ordem DeMolay é uma instituição que veio corroborar e fortalecer toda educação e a instituição familiar baseado nas virtudes cardeais e que me propiciou a desenvolver espírito de liderança participação comunitária e convívio fraternal dos quais se transformaram em verdadeiros amigos; me demonstrou também valores de cunho de crescimento individual psicológico e comportamental; conviver com homens maçons que chamávamos de tios sem propriamente termos ligações sanguíneas mas com a respeitabilidade e a honradez como assim fossem; desenvolver-me no espírito fraterno até a ter oportunidade de ser iniciado na sublime instituição maçônica que com o desenvolver e decorrer do ensinamento filosófico e simbolico me tornei por consequência e no cunho histórico o primeiro DeMolay a ser elevado ao grau máximo da maçonaria assim como assumir pela primeira vez O malhete de venerável Mestre de uma loja maçônica. Estas características todas logicamente refletiram no trato profissional me tornando uma pessoa mais polida e compreensiva para o desenvolvimento das minhas responsabilidades”.

Também é fundador e membro ativo atualmente da A.R.L.S Obreiros da Paz nº 115, jurisdicionada a Grande Loja Maçônica do Estado do Rio de janeiro, (GLMERJ). Neudon Júnior acredita no futuro da Ordem DeMolay com a unificação realizada no final do ano passado em território nacional.

“Com certeza afirmo que a unificação se torna um marco indelével na volta da realização de um ideal onde o futuro será promissor”.

Foto cedida para divulgação

Você também pode se interessar por